Árvore fala sim senhor!

Quando você vive em uma cidade grande, ter plantas em casa e árvores nos quintais (os poucos que ainda existem), e nas ruas, praças etc. é importante. Por isso mesmo continuo falando disso e implorando para que as pessoas façam coro unido comigo para não cortar e não deixar que cortem as árvores.

Todos os dias atravesso a fronteira porque a cidade vizinha é pouca coisa mais amigável com as árvores, apesar de me causar um calafrio quando vejo qualquer serviço da prefeitura ou das companhias de energia fazendo podas no já maltratado verde das nossas cidades. E foi o que aconteceu esses dias. Vejo galhos saudáveis sendo podados enquanto os doentes permanecem. Parece até que o desejo é de matar a planta só para não ter que podar mais.

Dá vontade de perguntar ao funcionário se ele gostaria que eu cortasse o braço ou a perna dele para ver se cresce de novo. Mas, de um modo geral, as pessoas têm a ideia de que a planta não fala, então não sente. Mas elas se comunicam sim. Apenas precisamos aprender a entender, porque elas são seres vivos e precisam de cuidados como qualquer outro ser vivo.

Se você tem plantas em sua casa e, como eu, mora na cidade, tente entender os sinais que suas plantas dão. As folhas dão sinais quando estão com pouca luz, pouca água ou quando o solo precisa de um pouco mais de cuidado.

Para cuidar do solo (mesmo em vasos), é importante lembrar que ele é formado por minerais e matéria orgânica da decomposição de plantas e animais. Se você planta direto no solo, por exemplo, vá até a feira e peça a palha dos milhos que o pessoal tira e que vai para o lixo. A palhada sobre o solo garante reciclagem de potássio e nitrogênio.

A adubação orgânica é uma fonte de nutrientes lenta e duradoura, sendo possível fazer tudo sem o uso de fertilizantes químicos. Compostagem, folhas secas, galhos, cascas de crustáceos, restos de peixe, cascas de ovos, cinzas de madeira, borras de café são exemplos orgânicos com diversos nutrientes que enriquem o solo de uma planta que parece doente.

Aliás, eu tenho apenas pequenas jardineiras e uso o que posso para adubar, como cascas de ovos moídas, restos de cascas de frutas, borra de café etc. E sabe aqueles restos de leite? Misturem na água da rega. Isso dá um cálcio extra para o solo, já que não é terra natural e não tem os pequenos animais e insetos para fazer a função deles, como as minhocas, tatuzinhos e sim (!) formigas.

Veja na ilustração alguns sinais que as plantas dão de que algo falta a elas, e se precisar de mais informação, o Google não existe só para dizer onde fica a pizzaria mais próxima. Procure informações e cuide melhor do verde à sua volta. Acredite! Você precisa dele.

Ah! Precisamos lutar para preservar a Amazônia, a Austrália, os mares e rios. Precisamos preservar tudo. Mas antes de qualquer coisa, vamos cuidar da samambaia de casa ok?

Leave A Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *