Covid-19 e a marca da maldade

Estava pensando em como falar do Corona vírus sem falar da peste do século XXI. Não quero ganhar dinheiro em cima de uma tragédia. De uma pandemia que vai matar muita gente e que continua a provocar reações que vão desde a indiferença de quem não consegue sentir a menor empatia por nada, até a histeria de quem tem medo de ser o próximo sorteado.

Estive falando com pessoas comuns por aí. Sim estive me arriscando, já que estou na faixa de risco. E não sei se o pior é o Covid 19 ou se é a ignorância das pessoas. Uns pensam que é igual a uma gripe. Não é. É muito pior. Outros acreditam que estão salvos porque eles bebem, ou porque seguem alguma fé, ou porque se acham mais merecedores de viver do que outros.

Até parece que um vírus vai escolher quem vai infectar.

Nunca se precisou tanto que as pessoas descobrissem o significado de empatia, misericórdia e amor ao próximo. E claro que isso pode ser demonstrado com o ato de permanecer em casa, sem andar pelas multidões, sem comprar histericamente nos mercados como se amanhã tudo fosse acabar. Mas também pode ser demonstrado por exigir de nossos governos mais preparo para responder por um saneamento básico que nunca foi universal e que, pelo andar da carruagem, nunca será.

Precisamos de água limpa nas casas já. Esgoto tratado já. Funcionários suficientes para ir atrás de outros surtos e doenças já. Precisamos que todas as pessoas tenham acesso a sabão, porque sim, há as que não têm nem isso.

Aliás, sei que há algumas pessoas que me leem e que acham que o Covid só deveria atingir as pessoas que elas odeiam, porque se acham melhores do que essas pessoas. Pois é… Não são. O vírus atinge quem atingir, mas as pessoas que contraírem podem viver ou morrer, dependendo do tratamento que tiverem. E pode apostar que serão grandes as baixas entre os mais desprotegidos.

Nesse momento em que tudo é incerteza, não ouçam a “receita” de cura ou prevenção que algum idiota, tão ignorante quanto qualquer outro lhe fala”!

Vamos nos preparar contra o Covid, mas por favor, vamos nos abster da ignorância nesse momento e ajudar ao invés de ficar apontando dedos. A maldade é um vírus que todos nós precisamos combater também.

 

2 thoughts on “Covid-19 e a marca da maldade

  1. O nosso povo não está preparado para está pandemia e nem de outras e ainda por cima, temos um mandatário incompetente, louco e sem nenhum escrúpulos. É o tipo de pessoa, que deveria dar o exemplo, mas o exemplo é o contrário de que se espera de um governante. Infelizmente muita gente irá morrer.

Comments are closed.