Dia de Santa Clara e dos advogados do Brasil

Dia de Santa Clara e dos advogados do Brasil

11 de agosto é dia da padroeira da televisão, Santa Clara.

Diz a lenda que, estando muito doente, Santa Clara desejava muito ir à missa de Natal, mas não podia.

A Santa entrou em oração profunda e, supostamente, conseguiu ver e ouvir toda a missa em uma projeção na parede de seu quarto.

Nesse dia há missas e festividades especiais no centro de São Paulo, especialmente no Largo de São Francisco, onde ficam as igrejas e o convento de São Francisco um dos mais importantes conjuntos arquitetônicos do barroco paulista.

O Largo de São Francisco abriga ainda a Fundação Escola de Comércio Álvares Penteado e a Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo, uma das mais antigas do País.

A data, 11 de agosto (em 1827) é também a fundação das duas primeiras faculdades de Direito. O imperador Pedro I criou no Convento de São Francisco, em São Paulo e na Basílica e Mosteiro de São Bento em Olinda (PE).

Por isso, em 11 de agosto se comemora também o Dia do Acadêmico de Direito.

Então vou aproveitar a data para falar de um lugar único, que faz parte da história da cidade onde nasci.

Igreja de São Francisco

O conjunto religioso histórico do Largo tem o convento dos franciscanos e duas igrejas, a da Ordem Primeira e da Ordem Terceira, que são uma representação do barroco paulista.

A Igreja de São Francisco de Assis, Ordem Primeira, começou a ser construída em 1642 e inaugurada em 1647.

Suas paredes, em taipa de pilão, têm 1,5 m de espessura, e seu interior, simples como a ordem dos franciscanos, mas com imagens de grande valor, como a de São Francisco.

No século XIX, parte do convento foi convertida em Faculdade de Direito, mas a Igreja São Francisco ainda existe. Anexa está a Igreja das Chagas do Seráfico Pai São Francisco, levantada pela Ordem Terceira de São Francisco.

Capela da Ordem Terceira

Ver artigo principal: Igreja das Chagas do Seráfico Pai São Francisco

Em 1676, os irmãos da Ordem Terceira de São Francisco iniciaram a construção de uma capela para a ordem no interior da igreja franciscana.

Essa capela foi ampliada até transformar-se numa igreja independente, com a fachada anexa à igreja conventual.

Inaugurada em 1787, a “Igreja das Chagas do Seráfico Pai São Francisco da Venerável Ordem Terceira de São Francisco da Penitência de São Paulo” é o único exemplar remanescente do século XVIII em São Paulo.

Mais conhecida como Igreja das Chagas do Seráfico Pai São Francisco, tem arquitetura colonial e está entre as obras do arquiteto afro-brasileiro, Joaquim Pinto de Oliveira, conhecido como “mulato Tebas”, ex-escravo que assina muitas obras do centro velho de São Paulo.

Prometo falar mais sobre ele quando abordar a igreja do Carmo. Mas precisamos reconhecer a arte e as obras desse personagem apagado da nossa história.

Faculdade de Direito tem direito até a fantasmas

Como dito anteriormente, em 1827, os franciscanos abandonaram o edifício do convento, por este ter sido requerido pelo governo imperial para instalar a Academia de Ciências Sociais e Jurídicas, atualmente Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo.

O convento colonial foi demolido em 1933 para a construção de uma nova sede, em estilo neocolonial, da autoria de Ricardo Severo. Mas as igrejas franciscanas foram preservadas.

As histórias antigas da cidade dão conta que, no local, apareciam de vez em quando alguns fantasmas ligados às origens da capital paulista.

Ex-alunos ilustres, como Álvares de Azevedo e Castro Alves assombravam os guardas da madrugada, que faziam a ronda no largo. Certamente uma brincadeira de alunos.

Brincadeira como o “dia do Pindura”, no qual os acadêmicos de Direito entravam nos bares e restaurantes para comemorar o 11 de agosto, e não pagavam a conta…

Em tempo: há informações desencontradas sobre o tombamento do conjunto arquitetônico em 1982 pelo Estado. Porém a página tem informações tão erradas sobre a construção e manutenção das igrejas que não considero confiável!

  • fotos históricas patrimônio cultural OSF. Faculdade de Direito da USP
,