Geleia fácil de figo

Geleia fácil de figo

 

Primeiramente vou declarar em voz alta (estão ouvindo?): EU AMO FIGOS! Sei que há muitas pessoas que não partilham esse amor que eu tenho, mas só posso ter pena delas. Figos são deliciosos e versáteis.
Quando verdes, servem bem para doces em calda ou doces de corte, como as goiabadas. Mas nada se compara a um figo maduro, suculento, que serve para essa geleia da receita. Ou serve para comer recheado de algum queijo forte, como gorgonzola ou Rochefort, parmesão ou outro de sua preferência.
Tenho um amigo apaixonado por figos Rami, que são figos em calda feitos um a um. E essa geleia aqui serve para colocar na torrada, no biscoito, como recheio de bolos, ou servida com um pouco de creme de leite.
Auxiliar no tratamento de diversas doenças, como diabetes, hipertensão e colesterol, o figo é rico em vitaminas A, B e K, contendo minerais como ferro, potássio, cálcio e magnésio. Depois disso, não há como deixar a fruta fora da dieta, seja in natura, ou em um dos doces sugeridos.

Ingredientes

1,5 kg de figos bem lavados, sem os talos e picados
500 g de açúcar
Casca de um limão

Preparação

Colocar tudo em uma panela funda e levar ao fogo alto, até que o açúcar esteja todo derretido e o preparado esteja líquido (o figo faz bastante água). Baixe o fogo e deixe cozinhar, mexendo de vez em quando até estar no ponto desejado. Não esqueça que após esfriar ele fica mais denso, portanto tire do fogo quando estiver despregando um pouco do fundo. No final retirar a casca de limão e triturar com o mixer.
Deixe esfriar um pouco e coloque em vidros esterilizados. Dura uns três meses na geladeira.
Obs.: o açúcar pode ser substituído por adoçantes culinários, lembrando de reduzir a medida para 1/3 dos 500 g.