O pão de cinco minutos que se faz com dois ingredientes

O pão de cinco minutos que se faz com dois ingredientes

Já é quase Natal, ano acabando.

Estou triste, porque esses últimos natais não me deixam esperançosa.

A multidão dos famintos só cresce e a dos desesperados também.

Eu juro que não era sobre isso que eu queria falar.

Não nasci em “tempos melhores”, mas estamos deixando tudo piorar sem parecer que nos importamos.

Quando foi que paramos de nos escandalizar com a morte, a guerra, a fome e a doença?

E quando foi que começamos a nos escandalizar com a futilidade?

Sei que sozinhos não fazemos grande diferença, mas podemos ao menos fazer a nossa parte.

Voltando ao assunto: pão.

Uma das coisas de antigamente é que no dia de Natal e Ano Novo padarias não abriam.

Era o único dia de folga dos padeiros.

Normalmente, na véspera, os fornos das padarias eram ocupados com assados das famílias.

Ninguém tinha forno que coubesse um leitão ou um peru.

Eram grandes demais para fornos convencionais e todos levavam na padaria.

E claro que todo mundo encomendava pão porque no dia seguinte não teria.

Hoje em dia já não temos isso e até o coitado do padeiro perdeu a folga.

Então lá vai uma receita fácil, de poucos minutos e com dois ingredientes: farinha e iogurte natural.

O pão com dois ingredientes que se faz em cinco minutos

Esse pão leva uma xícara e meia de farinha fermentada comum e uma xícara de iogurte natural (o grego que tem mais consistência).

Amasse com as mãos até obter uma consistência homogênea.

Se quiser ponha uma pitada de sal.

Divida a massa em porções iguais enrolando para formar os pãezinhos.

Leve-as a uma assadeira enfarinhada.

Ponha no forno pré-aquecido nos 180 °C por cinco minutos.

Querendo, antes de levar os seus pães ao calor, pincele-os com um ovo batido.