Os benefícios do damasco

Os benefícios do damasco

Conheça melhor essa fruta e aproveite seus benefícios

Dia desses passei uma receita de chutney de damasco, e expliquei o que é um chutney e tal.
Sabem do que eu não falei? Do DAMASCO!
Para começar, Damasco é a capital da Síria, mas como não dá para comer a capital da Síria, vamos falar sobre a fruta.
Os damascos são da mesma família das nectarinas e pêssegos, e é cultivada em todas as regiões temperadas do mundo.

A fruta é nativa da China, e foi trazida para as Américas no século 18 por missionários espanhóis.

Hoje o damasco é cultivado no Norte e Centro do continente africano, no Sudeste da Ásia e Sul da Europa.
Com aparência semelhante ao pêssego, os damascos têm uma cor amarela puxada para o dourado na pele e carne alaranjada.
Ele por si só não é muito saboroso, mas dá para comer in natura, como frutas secas; cozidos; em geleias; tortas ou dando sabor a licores.

Damasco é uma boa fonte de vitamina A.

Também é um poderoso antioxidante que protege contra os danos dos radicais livres às células e tecidos.
Rico em fibras, o damasco ajuda a manter um sistema digestivo saudável.
Além disso, o elevado teor em betacaroteno ajuda a manter o colesterol baixo e previne doenças cardíacas.
Os  damascos contêm vitamina C, outro antioxidante natural, que ajuda o corpo a desenvolver resistência contra infecções.
Além disso, são fontes de minerais, tais como potássio, ferro, zinco, cálcio e manganês.
O potássio, por exemplo, é um mineral saudável para o coração, e ajuda a regular a frequência cardíaca e a pressão arterial.

Agora que conhece melhor o damasco, procure outras receitas com essa fruta e comece a consumir mais!

, , ,