Vamos fazer moqueca capixaba?

Vamos fazer moqueca capixaba?

Uma grande amiga viajou ao Espírito Santo e, na volta, além de água benta e preces ao beato José de Anchieta me trouxe um enfeite.

Era uma panelinha miniatura, dessas que se usam para fazer moqueca.

Então: é um enfeite lindo, e me recuso a usar, só mesmo de enfeite, embora sirva como molheira.

Mas o que quero dizer é que dentro tinha um papelzinho minúsculo, com uma receita de moqueca capixaba.

E eu não pude deixar de comparar com uma receita que eu tenho há anos.

Então preciso dizer:  prefiro a minha.

A diferença entre as duas é que na minha tem camarão médio.

Também leva uns dentes de alho e pimentões.

Lamento por quem não gosta, mas vou passar a minha receita.

Aliás, sabem a diferença entre a moqueca tradicional baiana e a capixaba?

Delícias de Chocolate!
Um curso de chocolates para vender a preço imperdível: 39,90

Então: esta última não tem nem azeite de dendê e nem leite de coco.

Vamos à receita?

Ingredientes

Dois quilos de peixe fresco limpo (badejo, pargo ou cação)

½ quilo de camarões médios limpos

Duas cebolas cortadas em rodelas

Três dentes de alho amassados

Quatro tomates grandes cortados em rodelas

Dois pimentões (use verdes e vermelhos) cortados em tiras

Quatro ramos de coentro

Colorau , sal e pimenta do reino branca a gosto

Caldo de dois limões

Azeite extra virgem

Preparo

Primeiramente, corte o peixe em postas e coloque em uma vasilha com sal e o caldo de limão por cerca de duas horas.

Utilizando uma moquequeira grande, de barro preferencialmente, coloque três colheres de sopa de azeite, e comece a fazer camadas.

Primeiramente coloque algumas cebolas, tomates, alho e pimentões.

Reserve ingredientes para fazer as outras camadas.

Então faça uma camada com os peixes e os coentros picados.

Ponha mais uma camada de temperos e leve ao fogo para começar a cozinhar.

Não deixe ferver para não deixar o peixe borrachudo.

Ponha o caldo de limão onde marinou o peixe e acrescente o colorau e os camarões.

Espere 10 minutos e experimente o sal.

Essa receita vai muito bem com arroz branco e um pirão feito com o caldo da moqueca.

Basta reservar um pouco do caldo e misturar à farinha de mandioca.