Um, dois, Feijão com arroz

Um, dois, Feijão com arroz

Saiba mais sobre feijão e aprenda a fazer salada de feijão rajado

Um dia desses, em um dos grupos sociais, surgiu a pergunta: você coloca o feijão sobre o arroz ou vice-versa? 
Independente de eu achar a pergunta uma bobagem, dessas que não resolvem nada na vida, fiquei pensando no prato mais normal do dia a dia brasileiro, o arroz com feijão.
E não apenas normal.
Muitas vezes colocado como prato de quem não tem “caviar”, mas na verdade um dos pratos mais ricos em nutrientes.
Muito saudável, o feijão está entre os famosos “grãos de digestão longa”, que saciam a fome por mais tempo.
Aliás, ele evita a necessidade dos lanchinhos de meio do dia.
Sim meus caros.
Para quem faz dieta, é saudável consumir feijão, pois, além de fornecer nutrientes, ele aumenta a sensação de saciedade por mais tempo que outros alimentos.
Feijão é um nome comum para uma grande variedade de sementes de plantas de alguns gêneros da família “Fabaceae”.
Essa leguminosa proporciona nutrientes essenciais como:

Proteínas, ferro, cálcio, vitaminas (principalmente do complexo B), carboidratos e fibras.

O consumo em quantidades de média a alta de feijão está associada à diminuição no desenvolvimento de doenças como o diabetes e obesidade.
Acredita-se que esse efeito benéfico do consumo do feijão é devido à presença de metabólitos secundários nessa leguminosa.
De acordo com a Embrapa, há mais de 14 mil tipos de grãos cadastrados, sendo que quatro mil são nativos do Brasil.
Entretanto, mesmo sendo um grande produtor, o país está muito abaixo da capacidade.
A maior parte do cultivo é do feijão carioca, seguido do feijão preto.
Há mercados que vendem outros tipos, como o roxinho, o jalo, o rosinha e o andu.
Quando eu era mais jovem, comprávamos feijão rajado na feira.
Vinha dentro das favas e tínhamos que descascar e cozinhar antes de transformar na salada dessa receita.
Não sei se vocês terão facilidade para encontrar esse ingrediente, pois aqui na minha região, se eu quiser comer esse prato, tenho que ir até o Mercado Municipal de São Paulo para encontrar. Espero que seja mais fácil para vocês, pois, tirando achar o ingrediente, é um prato fácil e nutritivo.

Ingredientes

Meio quilo de feijão rajado (na vagem dá uns 700 gramas)
Duas cebolas roxas cortadas em rodelas
Dois dentes de alho bem esmagados
Salsinhas e cebolinha picados (o quanto baste)
Vinagre
Azeite
Sal e pimenta do reino

Preparo

Tire os feijões das vagens e ponha para cozinhar, coberto com água e sal (uma pitada).
Quando a água estiver quase no final, desligue e tampe.
Espere esfriar.
Em uma vasilha (com tampa), misture a cebola, o alho e as salsinhas etc.
Ponha os feijões e coloque o azeite (mais ou menos meia xícara), e o vinagre (mesma medida).
Misture os feijões cozidos com um pouco da água do cozimento e conserte o sal.
Ponha uma pitada de pimenta.
Deixe na geladeira pelo menos por meia hora antes de servir.

Não esqueça: se você comer essa salada, evite o feijão normal.